terça-feira, agosto 14, 2007

ESTAREI AFASTADO...
da blogosfera durante tempo indeterminado. É o inferno astral que antece o aniversário. A mudança é necesária quando queremos nos livrar de velhos pesadelos, ou coisas que queremos abandonar, pois mais atrapalham do que ajudam.
Conto com a compreensão de todos.
Abraços


33 comentários:

Ester Beatriz disse...

Fique bem!!!! Estaremos esperando sua volta!
Abraço!

Bruxinhachellot disse...

Que seu inferno astral não seja ruim, mas proveitoso de alguma forma para que retornes com a carga toda. Parabéns antecipado então.

Beijos de bumba.

O Árabe disse...

A compreensão, você tem. O problema é a falta que vamos sentir...

Flávio disse...

Fazer o que, amigo? Só nos resta concordar e apoiar. Mas, confesso, espero que não demore muito. Grande abraço, boa sorte!

Olhos de mel disse...

Apesar de gostar muito de seus escritos, compreendo bem. Muitas vezes precisamos nos afastar mesmo pra refazermos-nos dos percalços.
Fique com Deus! Quando estiver bem, volte, viu?
Beijos

carla granja disse...

olá! espero k descanses o suficiente para votares de novo. o descanso é muito necessário para o nosso corpo ,alma e espirito. em setembro tmb sou eu k vou descansar pois me sinto cansada um pouco de tudo.
bjo
e volta depressa
carla granja.

David disse...

Vc precisa tomar uma....Fumar um...Arrumar uma namorada nova...sei lá.

Blogildo disse...

Nós, os que aqui estamos, por vós esperamos!

Volte logo!
Abraço!

MagnetikMoon disse...

Espero que passe depressa essa fase.Também estou a regressar só agora.
Abraço

Ricardo Rayol disse...

cacete, você faz quantos aniversários por ano?

Renata disse...

Super compreendido, claro!
Bom "tempo" e reorganizações...

Flávio disse...

O samigos continuam esperando a sua volta, viu? Abração!

Barbarian disse...

ô mano véio... entendo o que sente... eu fiquei assim antes do niver de 30 anos... daí fui pra Minas e passou rapidim, cumpadi... ;)

Fique bem... e volte logo! um abraço

Mestre Splinter disse...

Tâmos aí, velho...vai no teu ritmo que gente te espera daqui! Aquele abraço, e a hora que der, deixa aquele recado na porta...!

Sorte, e perseverança!

Lana disse...

>Krido defensor
aguadarei até que voltes
1 sorriso luminoso
Lana

o_anticristo disse...

Aguardo pacientemente o teu regresso ;)

Keila, a Loba disse...

É meu desejo que a tua caixa de pandora seja o mais rapidamente fechada....


BeijUivooooooooooosssssss da Loba

Sujeito Oculto disse...

Passou o inferno?

Bruna disse...

Oi Defensor,

Já fez aniversário? xooo, inferno astral!

Saudade!

Beijossssss

Saramar disse...

Defensor, quando volta?
É possível alguma notícia?

beijos, saudades.

Lux Caldron disse...

Salve amigo Defensor

Compreendo e espero que o tempo que tiras para afastar os pesadelos antigos seja bem aproveitado e estaremos à sua espera para ler as suas palavras quando voltar.

Um abraço

Catellius disse...

Passei aqui para dar um abraço!
Desejo um breve retorno, caro Defensor!

Gala disse...

Agora ke eu vim aki pela 1ª vez , não é justo .
(vim pelo blog da Mac,uma grd amiga)
FICA BEM

Vera disse...

Bom descanso guerreiro!

Beijo

Bruna disse...

E então Defensor? ainda afastado? ou seria agastado? ..rs.

Saudades!

Beijo grande

Klatuu o embuçado disse...

A blogosfera tem-se transformado em montureira...

Abraço.

Mestre Splinter disse...

Hail, my brother! Completamos um ano de Agora é Rock! dia dez e hoje posteamos umas imagens e um vídeo da galera que faz o blog...Confere lá, a hora que der! Lord Defender sabe que é parte também dessa história...Tudo de bom p'ra ti, paesano! Hsta Siempre!!!

Flávio disse...

Rapidinho... só pra avisar que vc tá fazendo falta! Abração, amigo!

Conceição Bernardino disse...

AFLIÇÃO E CONSTRANGIMENTO

Eu já relatei aqui, minhas dificuldades no ano de 1998, para encontrar um advogado que aceitasse provar na Justiça, que o acidente ocorrido com Flávia, tinha sido causado pelo mau funcionamento do ralo da piscina onde ela nadava no momento do acidente. Já contei também que após muito perambular com um calhamaço de documentos em baixo do braço, acabei por encontrar Dr.José Rubens Machado de Campos, advogado que assumiu o caso e que felizmente se mantém connosco até hoje, e que tem demonstrado ao longo desses anos, muita competência e combatividade. Infelizmente, dependemos dos juízes que até hoje têm ignorado todas as provas pos nós apresentadas sobre o ralo super dimensionado para aquela piscina, e sua demasiada força de sucção.

Antes de decidir processar o condomínio Jardim da Juriti, em Moema – São Paulo, onde eu morava com meus filhos, tentei de todas as formas junto ao síndico, receber o seguro de responsabilidade existente no prédio, da seguradora AGF Brasil Seguros. O síndico respondia que não poderia me ajudar nesse sentido, pois reivindicar o seguro seria o mesmo que admitir a culpa do condomínio, coisa que ele não faria, me dizia. Passei então a escrever directamente para a AGF, descrevendo o acidente ocorrido com Flávia na piscina do prédio e solicitando o pagamento do seguro, na época, no valor de R$ 100 mil reais. Não tive sucesso e a AGF foi incluída no rol dos réus a quem processei, junto com o condomínio Jardim da Juriti e a Jacuzzi do Brasil, fabricante e vendedora do ralo.

A seguradora AGF, na sua contestação escreveu:

“......A comunicação do sinistro pelo condomínio segurado, apenas relatou o acidente, não admitindo para si, qualquer responsabilidade quanto à ocorrência do mesmo. Assim , não poderia e não pode a ora contestante liberar o valor da importância segurada sem que esteja comprovada a responsabilidade do condomínio pelo evento. A seguradora não tem qualquer responsabilidade directa com as autoras....”

Nosso advogado trabalhou, e o juiz entendeu, que se um condómino sofre um acidente dentro do condomínio, ele tem sim o direito a receber o seguro ali existente. A AGF adiou o quanto pode o pagamento desse seguro de responsabilidade civil existente no condomínio. Graças ao trabalho de Dr.José Rubens e o discernimento de um Juiz, o valor foi pago, - um ano e onze meses após o acidente, sob ordem judicial e ameaça de cobrança de multa diária, caso o valor não fosse depositado em nome de Flávia na data estipulada. No entanto, mesmo tendo sido pago quase dois anos depois do acidente, a AGF não pagou nem juros nem correcção monetária. O tempo em que fiquei pelejando para receber o seguro da AGF agravou minha aflição e me causou muito constrangimento, pois precisei depender de favores de terceiros para garantir a sobrevivência de Flávia, enquanto possuía legítimo direito de receber a indemnização do seguro.
Posted by Odele Souza at 12:38 PM
http://www.flaviavivendoemcoma.blogspot.com/

(O caso Cláudia, não está perdido. Mandem Mails a esta gente e não só:

geral@embaixadadobrasil.pt

Mas não digas palavras doces. Carrega um bocadinho no português "marracónico": envergonha-os, que é o que eu faço.
Pede a outros blogues que façam o mesmo.)

keila, a Loba disse...

Éramos apenas um grupo de 38 pessoas de segunda e terceira idades portadoras de depressão, câncer, diabetes, hipertensão arterial, lues e artrite que deveriam ter viajado dia 16/10 à Bahia para mostrar aos longevos e doentes daquele estado a ginástica de baixo impacto, oficina da gargalhada e roda de palhaços em ginásio poliesportivo ou centro de saúde em Salvador. E os pacientes estiveram realizando consultas, avaliações médicas, exames, tratamentos, regimes, medicação e exercícios desde o início do ano; e toda essa “olimpíada” tinha por finalidade mostrar que cuidados médicos, trabalho, parceria, boas condições físicas e clínicas e um governador sensível permitiriam uma mostra interessante e inusitada.


Mas os dias felizes que antecederam a viagem foram marcados pela comoção, lamento e choro na manhã de 19 de outubro, quando representantes do governo “trucidaram” um sonho coletivo de gente velha, doente e carente argumentando indisponibilidade de transporte e falta de vontade política.


Não deixamos apenas de viajar como poderia parecer a alguns, mas deixamos de trocar experiências com longevos e doentes de outro estado num episódio que diria, com uma linguagem alegre, simples e universal, que É URGENTE CUIDAR DO QUE AINDA NÃO ADOECEU ANTES QUE A POLÍTICA, O DESINTERESSE PELAS QUESTÕES ESSENCIAIS E O DESCASO ADOEÇAM UM NÚMERO CADA VEZ MAIOR DE PESSOAS.


Passe nos Uivos da Loba e assine sua opinião sobre o episódio, pois o que for coletado poderá servir como parte de material de entrevista. Obrigada.

BeijUivoooooooooooooosssssss da Loba

Bruna disse...

Defensor, vim deixar um beijo.

Quando voc� volta mesmo?

Conscientização disse...

Sai do inferno amigo pois o céu te espera e volte para nos encantar, abraço, Alda

Cassiane Schmidt disse...

Obrigado pela visita, volte sempre!!!