quinta-feira, abril 19, 2007

Amar II
Image Hosted by ImageShack.us
Renascer
Viver, morrer
Céu e inferno
Olhos afiados
Paixão
Sede, sofrer
Existência
Queda e ascensão
Rio profundo
Oceano
Viver e crer
Arco-íris
Escuridão
Mal infinito
Chaga que não cura
Ferida Aberta
Noite escura
Perdição
Choro, grito
Tristeza, ilusão
Menos cruel que mito
Triste canção
Pobres amantes
Nada será
Ou ficará
Como antes

35 comentários:

Defensor disse...

Saudações Nobres Amigos!

Este Defensor anda sem tempo de comentar nos blogues amigos.

Espero que me perdoem. assim que eu puder eu volto com calma e visito todos.

Abraços, bom final de semana, com muita paz (pois precisamos) e prosperidade!

mac disse...

Depois de se amar, experimentar o céu e, depois o inferno, nada será como dantes.

Lux Caldron disse...

Depois de amar nada fica como dantes,se para melhor ou pior depende do grau de tristesa da canção. O amor consegue nos fazer os mais felizes do mundo mas por vezes consegue ser mais cruel que qualquer mito...

Um abraço

Ana Gotz disse...

Fico impressionada com a profundidade dos seus poemas. Ao mesmo tempo que parecem pesados, são leves, de muito bom gosto e sentimento.

Tbm ando sem tempo para comentar nos blogs, mas sempre que posso, passo por aqui.

:o)

Ricardo Rayol disse...

Cara, você escreve bem pra caramba. Não se desculpe

hazzamanazz disse...

É como dizem, meu velho:
"Tudo de que eu preciso para viver é amor? Não.
Mas ele é tudo o que importa..."

[ ]'s

Bruna disse...

Oi Defensor,

Ufa, que você postou novamente.

Não dá pra viver sem paixão...amor,amor de verdade ainda não encontrei. Sua poesia tem um erotismo sutil, amei.

Beijosssss

Escorpiana Explosiva disse...

lindas palavras passei aqui para da um oi,passa lá no meu cantinho tem um presente pra vc.

tina oiticica harris disse...

Perdi seu comentário pois escrevi no Rio no e-mail e os rapazes é que foram na estação da Net pra mim. Fiquei doente, voltei cedo, levamos suadouro em D.C. e a gripe entra no décimo-primeiro dia comigo.

Queria comentar aqui. Você está curtindo um love? É a Courtney Love? Fiquei impressionada como você defendeu a moça.

Eärwen Tulcakelumë disse...

Defensor

Venho ver-te e como sempre belas palavras encontro.
Convido-te para ir ao meu espaço, onde há um presente para ti, pelo teu trabalho que gosto.
Deixo-te pérolas incandescentes de luz, banhadas no rio de lavas que em meu mundo corre.
Eärwen
20.04.07

Lia disse...

Amor
Vida
Morte

e nada mais será o mesmo...

Um beijo e bom fim de semana

Flávio disse...

Bom ver que vc voltou... e afinado, como sempre! :) Abração

Jorge Sobesta disse...

Defensor,

Pensei que você tinha largado a jagunçagem. Que bom que voltou e voltou inspirado.

Boa semana!

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Rosa Maria disse...

Nada será ou ficará como antes...mas tudo poderá ser melhor, se assim nos determinarmos...
Fica um beijo

M.Marcolin disse...

"E nada mais será o mesmo". Já me fiz esta afirmação... logo após perguntar-me "onde foi que eu me esqueci?"

Renata disse...

delícia de texto!!! Dá uma vontaaaaaaaade...rs..rs

bjos e welcome back (again!!!)

Vera disse...

Renascer, viver, morrer...

Adorei o poema! Lindo, emotivo e reflectivo!

Mil beijos

Blogildo disse...

Chaga que não cura.
Me lembrou a confusão em torno de chaga/praga a partir de um declaração papal. Creio que toda chaga não tem cura!

Abraço!

Alencar Ramos disse...

LEGAL SEU BLOG. QUE TAL FAZERMOS UMA PARCERIA? VC ENTRA NO MEU BLOG, PEGA MEU BANNER E COLOCA EM SEU BLOG E EU FAÇO O MESMO.
SE TIVER DE ACORDO ENTRE EM CONTATO DEIXANDO O LINK DE SEU BLOG.
http://chutalde.blogspot.com/

Mestre Splinter disse...

Brother, impossível negar...Tua presença na rede faz uma falta tremenda...Que continues aí, esporadicamente, conforme a situação te permitir, mas...não nos abandone! Aquele abraço!

Sujeito Oculto disse...

Sofrer, sofrer... desistir.

Lana disse...

Olá
tens um presente no meu blog
estou surpresa por ainda n me teres ido visitar
sim depois de um amor é dificil ficar como antes
muitos parabéns é muito bom visitar-te e te encontrar tão belo e complexo a um tempo
1 sorriso luminoso
Lana

A MUDANCA disse...

Lindissimo...


Beijo

FF

Renata disse...

passando só para um oi...

Klatuu o embuçado disse...

Você tá apaixonado meu velho? :)

Abraço!

keila, a Loba disse...

Esta é uma mensagem única enviada a todos os amigos:
Obrigada pelo seu ombro amigo, quando no momento estou desacreditando na beleza da alma humana; e tenho motivos para tal, pois nos últimos dias têm sido difícil respirar, imagina acreditar.

Obrigada pela sua visita carinhosa, e estarei passando em sua casa tão logo melhorar.

BeijUivooooooooooosssssssssss

Confúcio Costa disse...

A luz de uma escuridão é um dos caminhos sempre possíveis.

Abraço.

Betty Branco Martins disse...

Querido Defensor

Estou de volta:))

Obrigada pela visita.

Volto mais tarde para te ler e comentar

Beijos com carinho

Anjo de uma asa só disse...

Oi!!! adorei!!lindo!!!

Flávio disse...

Bem, eu já tinha comentado este. Mas passei pra te dar um abraço.

Lana disse...

1 sorriso mto luminoso neste dia do Sol defensor
lana

Cejunior disse...

Defensor, cada vez que venho aqui sempre sou agradavelmente surpreendido pela beleza e criatividade de seus versos.
E que sempre nos deixam pensando...
Um abração.

Cejunior

©õllyß®y disse...

Que beleza poetica aqui plantada, meu beijo e meu rasto_________Cõllibry

Mutumutum disse...

Maravilha de poesia. Tem uma certa inspiração de Luiz Vaz de Camões, pelos antagonismos presentes. O que mais é o amor senão o cume do prazer e da dor?! São esses antagonismos que sustentam o amor. Cara! Mto legal seu estilo o/