quarta-feira, abril 30, 2008

POLÍTICOS E PUTAS
Post dedicado aos amigos David e Rayol, dois indignados de primeira, respectivamente dos blogs Aqui não, Genésio! e Jus Indignatus

Talvez o título mais adequado a esta postagem seria "A Prostituição dos Valores Políticos", no entanto, preferi nomeá-lo Políticos e Putas, pois não acredito que na política pátria exista algum valor, no exato sentido do termo. Não que eu tenha algo contra as profissionais do sexo, nem a favor. Creio que são necessárias em qualquer sociedade, assim como os lixeiros, médicos e engenheiros, sem menosprezo a nenhuma dessas nobres categorias profissionais.

Na verdade, tanto as putas como os políticos se prostituem, cada qual à sua maneira. Já faz tempo que não acredito em promessas eleitorais, nem em supostos planos de governo, pois estes definitivamente não existem, assim como não existe verdadeira “vontade política" em mudar situações que se arrastam há décadas, para não falar em centenas de anos em nosso País.

Segundo pesquisas recentes, a aprovação popular de nosso presidente é a mais alta desde que começou a governar. Certamente em virtude das famigeradas "bolsas", verdadeiro cabresto eleitoral. Não vou, porém, entrar neste mérito.

Diuturnamente assistimos impassíveis, porém indignados, notícias sobre o mau (ou seria péssimo) uso do dinheiro público. O governador tal aluga jato para visitar a Europa e leva a esposa, cachorro, sogra e o diabo a quatro, e ainda acha que não cometeu nenhuma irregularidade.

Prefeituras espalhadas pelo território nacional têm ligações escusas com empresários numa verdadeira simbiose de parasitas a sugar o dinheiro de nossos impostos.

Na esfera federal quem legisla é o Executivo através de medidas provisórias, verdadeira aberração na teoria da separação dos poderes, sem mencionar a crônica falta de urgência e relevância para a edição de tal instrumento.

Escândalo após escândalo de desvio de verbas do erário público e corrupção, o povo graciosamente apenas contempla, como se tais fatos se passassem em outra nação, outro mundo e quando há algum tipo de protesto, se é que se pode chamar assim, pessoas saem de casa para ir ao local onde ocorreu um crime de homicídio, como se a presença delas tivesse o condão de alterar algo na apuração da verdade.

Quem acompanha este blog há algum tempo sabe de minhas convicções: não acredito que exista ou existirá algum político que se importe com o bem estar coletivo que, em última instância, é um objetivo essencial a ser perseguido por qualquer governo decente, se é que existe algum.

Este ano tem eleição, e as promessas estão a caminho. Tenho pena daqueles que ainda se iludem com aqueles famosos bordões que, infelizmente, seremos obrigados a escutar na propaganda eleitoral obrigatória, coisas do tipo: segurança, saúde e educação em primeiro lugar.

Políticos são quase como putas. Digo quase porque estas são mais sinceras: pague e terá o combinado, ao passo que os políticos pedem votos e, depois de eleitos, os eleitores não vêem “a cor” do que foi combinado.

Prefiro as putas, elas são mais honestas...
___________________________________

PS= Para quem ainda tem dificuldade em entender o que é política, veja nos comentários a definição.

28 comentários:

Defensor disse...

Definição de política.
Pai, eu preciso fazer um trabalho para a escola. Posso te fazer uma pergunta?
- Claro, meu filho. Qual é a pergunta?
- O que é política, pai?
- Política envolve:
1. povo;
2. governo;
3. poder econômico;
4. classe trabalhadora
5. futuro do país.
- Não entendi. Dá para explicar?
- Bem, vou usar a nossa casa como exemplo. Sou eu quem traz dinheiro para casa, então eu sou o poder econômico. Sua mãe administra, gasta o dinheiro, então ela é o governo. Como nós cuidamos das suas necessidades, você é o povo. Seu irmãozinho, o futuro do país e a Zefinha a babá dele, é a classe trabalhadora.
- Entendeu, filho?
- Mais ou menos, pai. Vou pensar.
Naquela noite, acordado pelo choro do irmão menor, o menino foi ver o que havia de errado. Descobriu que o irmãozinho tinha sujado a fralda e estava todo emporcalhado. Foi ao quarto dos pais e a mãe estava num sono muito pesado. Foi ao quarto da babá e viu, atrás da fechadura, o pai na cama com ela. Como os dois nem percebiam as batidas que o menino dava na porta, ele voltou para o quarto e dormiu.
Na manhã seguinte, na hora do café , ele falou para o pai.
- Pai, agora acho que entendi o que é política.
- Ótimo filho! Então me explica com suas palavras.
- Bom, pai, acho que é assim: Enquanto o poder econômico fode a classe trabalhadora, o governo dorme profundamente. O povo é totalmente ignorado e o futuro do país fica na merda!

Carla disse...

perfeita a tua definição...justa a tua comparação
beijos

Ricardo Rayol disse...

Obrigado por referenciar sua indignação pela minha meu amigo. E concordo com você as putas são bem mais honestas e não existe politico ético.

David disse...

Bom, sou daqueles indignados bola mucha. Sei que nada que eu diga ou faça terá efeito sobre esses safados públicos. Comparar político a puta é ofender à mais velha profissão do mundo.
Tenho amigas putas. Nem elas conseguem imaginar um puteiro tão luxuoso quanto Brasília (referindo-me aos postos de poder, não ao povo).
Cansei de ficar "batendo" em político. Ficou tão óbvio o desvairio dessa raça, que é a mesma coisa que chutar cachorro morto. Eles nem sentem!

No mais meu amigo, a casa de lá é sempre sua.

david santos disse...

Eu concordo com tudo o que está escrito no texto.
Mas as putas são mais sérias que os políticos. Mas muito mais sérias e honestas.
Parabéns.

Loba, a Keila disse...

Você fez justiça no uso dos adjetivos, Defensor, mas me fez pensar que a nação brasileira é prostituída, pois acompanha, vê, elege e se cala diante de tantas aberrações sociais, na política e entre políticos.

Novamente, você expos com maturidade e realidade aquilo que dói constatar.

BeijUivooooooooooooossssss da Loba

Ravnos_Blacklotus disse...

hm...
Damosnossas vidas por dinheiro. Desde que nascemos parecemos estar fadados a este destino. O grande cafetão, diz nos dar um lugar onde iremos nos "foder" todo dia. Vive prometendo lugar melhor. Alguns gostam da posição. Outros se veem obrigados. No final, o dinheiro volta aos donos do "puteiro" e ficamos com uma misera parte. Com nosso dinheiro fazem essas viagens incriveis. Ah do que reclamamos, ao menos podemos nos alegrar, temos o etanol.

Ravnos_Blacklotus disse...

Sem ofensas a ninguem em minhas comparações...

Martha Barbosa disse...

Volto a visita-lo, e adorei este testo, é a nossa realidade. Entre políticos e prostitutas...é claro que elas são bem mais confiaveis. Fiz uma postagem nova, se tiveres tempo apareça lá. Fiz uma brincadeirinha no final que pareçe não agradou o povo.Será muito bem vindo ao meu blog,e seu comentário é importante para mim .Um abraço

Bruxinhachellot disse...

Defensor, nossa política é uma piada, daquelas de humor negro. Detesto essas propagandas de elição, pois é tudo papo furado só pra ganhar votos. Apesar da vergonha que afunda cada vez mais o país na lama ainda acredito nas pessoas. Só não fico cega e muda para suas ações ilícitas.
Política no Brasil é como na piada que escreveste e o futuro desse país é afundar cada vez mais na M.
Não creio em político honesto, creio apenas que a política deveria ser reorganizada ou talvez, reinventada.

Beijos de Sol e de Lua.

Mestre Splinter disse...

é, meo brother... também prefiro as damas da noite... e concordo com o David, compará-las à politiqueiros é uma ofensa que elas não merecem...
...com a uivante Keila também, a população é a maior das ''vadias'', pois no máximo reclama(qüando o faz) que está doendo, mas continua abrindo as pernas...

...mas um dia isso muda... se batalharmos diariamente, sem cogitar perder a fé...

Grande abraço!

Luís Galego disse...

Prefiro as putas, elas são mais honestas...

eu também, meu caro!

O Árabe disse...

Grande texto, caro amigo! Nada a acrescentar, senão a minha sincera concordância! Uma boa semana.

Flávio disse...

Amigo, como vc sabe, eu trabalho com os políticos. Mas, de uma forma geral, tb tenho mais confiança nas genitoras deles... ;) Abração.

Carlos Emerson Jr. disse...

Falou tudo, meu amigo. Putas são putas e pronto. A gente vê e sabe o elas são. Já políticos...
Existe muito desânimo e desesperança nesses dias de euforia do presidente. Vamos pagar uma conta muito alta logo mais na frente, pela nossa imprevidência e irresponsabilidade.
Enfim...
Um abração e boa semana.

Saramar disse...

Nem há o que comentar. Seu texto é completo.
O que mais dói é saber que eleição após eleição tudo continua na mesma: a roubalheira, o cinismo, a corrupção. O que muda é a quantidade de, cada vez maior de sanguessugas do dinheiro público.

beijos, boa semana para você.

Camarada Arcanjo disse...

Estava lendo o seu texto e pensando:
"Prefiro as putas".
Quando cheguei no final, estava lá a frase derradeira.
Afinal elas se prostituem. Já os políticos corrompem tudo, qualquer coisa. Formam uma classe realmente nefasta, são desprezíveis.

Olhos de mel disse...

Oie meu amigo lindo! Desculpe a demora de retorno, mas estive fora da net por um longo período. Mas voltei em tempo de ver esse belo e verdadeiro post! A diferença entre ambos é que as putas são passíveis de crédito. Pelo menos são mais verdadeiras.
Beijos

Lyra disse...

Olá,

Venho pedir desculpas por não vir cá há algum tempo, mas a verdade é que o meu filhote esteve doente e, como estive com ele em casa, o trabalho acumulou e agora o tempo é escasso.

Hoje apenas venho agradecer a tua amizade e simpatia e dizer que voltarei brevemente, com mais tempo, para pôr a merecida leitura do teu blog em dia, sim?

Beijinhos e até breve.

;O)

foryou disse...

Por acaso também acho que elas são mais honestas!

E a definição está perfeita!!!

Å®t Øf £övë disse...

Defensor,
Fantástica essa definição do que é politica!!!
Concordo inteiramente contigo. Também eu prefiro as Putas aos Politicos. A diferença está em que as Putas vão para a profissão por necessidade, enquanto os Politicos vão para a politica por conveniência, e isso faz toda a diferença, na honestidade, ou falta dela, com que exercem a sua profissão.
Ao ouvir-te falar do que se passa por aí, parece-me que estou a ouvir falar de Portugal. É caso para dizer que a merda é a mesma em todo o lado, e depois o mundo inteiro fede.
Abraço.

Olhos de mel disse...

Oie lindo! Passei para lhe ver e desejar um bom fim de semana!
Beijos

Etc e tal disse...

Oi!!

As putas conseguem ser mais limpas e dignas do que os politicos.

Bjus

Klatuu o embuçado disse...

Aí como cá - está na hora dos nossos povos colocarem ordem no lixo!

Abraço, amigo Defensor.

Renata Cordeiro disse...

As putas sempre foram honestas, já que recebiam seu ordenado porque trabalhavam. Já com os políticos acontece o inverso...
Postei sobre um filme que a gente vê mais de uma vez. Passa por lá:
wwwrenatacordeiro.blogspot.com/
não há ponto depois de www
Beijos,
Renata M. P. Cordeiro

Martha Barbosa disse...

Voltei para avisa-lo que fiz postagem nova, apareça por lá, seu comentário é importante Defensor.
marthacorreaonline.blogspot.com

K. Catheryne disse...

As putas são limpas, honestas e dignas. Já os políticos.,.,. Bom, infelizmente não posso afirmar o mesmo. Fato é que só existem putas porque há clientes para elas; e os nossos políticos são como são porque seus patrões são coniventes e acomodados, porque enquanto um determinado problema não nos atingir diretamente, nada faremos para mudar essa situação.

*Adorei teu blog.

Anônimo disse...

Panfleto Fascista